2ª EDIÇÃO DO TORNEIO NACIONAL DE FUTSAL DO GRUPO CASTEL

Nos dias 7 e 8 do passado mês de Setembro foi realizada a segunda edição do Torneio de Futsal do Grupo Castel Angola, na cidade da Catumbela. O evento contou com a participação de dezasseis (16) equipas das unidades fabris que compõem o Grupo no país e mais de 200 assistentes ao evento, com destaque para a participação activa dos directores gerais das fábricas que vieram apoiar suas equipas.

O Torneio, que já está a se tornar uma tradição, tem como um dos objectivos promover a integração dos nossos trabalhadores e contribuir para uma cultura laboral positiva em todas as nossas unidades, porém, ele também procura apoiar alguma acção de carácter social na cidade onde se realiza. Nesta ocasião, as instalações do centro desportivo da Catumbela onde ocorreu o evento, foram completamente reabilitadas para, além de realizar o torneio, servirem como estrutura desportiva para a comunidade.

Parabenizamos à equipa da NOCAL, vencedora da nossa segunda edição, após derrotar na final à equipa da DCM por três golos a um (3-1).

Agradecemos à nossa unidade fabril SOBA Catumbela pela organização e árduo trabalho na reabilitação do centro desportivo e o próximo encontro será em Cabinda, até lá!

A INTERNET CHEGOU NA ALDEIA S.O.S, GRAÇAS À ECN + CCBSA

Durante os últimos 20 anos, a EMPRESA DE CERVEJAS N`GOLA E COCA – COLA BOTTLING SUL DE ANGOLA tem assumido iniciativas significantes de longo prazo em termos de responsabilidade social, um dos maiores projectos da companhia é a cooperação com a SOS Aldeia de crianças.
A SOS Aldeia de Crianças oferece um lar às crianças que vivem em situação de risco que são encaminhadas pelas autoridades da Infância, os irmãos biológicos não são separados. A Organização detém a guarda provisória e excepcional das crianças adolescentes e jovens a ela confiada. Nesta aldeia, as crianças têm garantidos seus direitos básicos como: alimentação, educação, saúde, lazer e o direito à convivência familiar e comunitária.
A aldeia actualmnte está composta por treze casas, das quais a nossa empresa co-financia duas. Graças ao compromisso contínuo da ENC+ CCBSA com este projecto, este ano foi possível levar Internet para a aldeia, através do sistema VSAT permitindo assim o uso da internet para todos, especialmente por parte dos estudantes que beneficiam com pesquisas escolares.

Para mais informações sobre este projecto, acesse: https://aldeiasosangola.org/

PRAIAS SEGURAS COM O GRUPO CASTEL

As praias da cidade do Lobito na Província de Benguela estão mais seguras para os banhistas. O Grupo Castel através da SOBA – Sociedade de Bebidas de Angola, instalou 10 torres de vigia equipadas com bóias de salvamento e coletes de salva-vidas, ao longo das praias da cidade. Nestes postos, os salva-vidas treinados vigiam às praias durante o dia e estão preparados para socorrer os banhistas em casos de emergência.

O lançamento oficial desta iniciativa, que conta com a parceria do Comando de protecção civil e bombeiros de Benguela, contou com a presença do Comandante do quartel de resgate e salvamento do Lobito, o Sr. Jose Rosa.

O projecto visa a diminuição de mortes por afogamentos na província de Benguela. Ao contribuirmos com esta causa, estamos a contribuir igualmente para a melhoria das condições de trabalho dos Salva-vidas, para uma praia mais segura, melhor equipada e mais limpa.

SOBA – CATUMBELA TRABALHA PELO MEIO AMBIENTE

“Coloca as garrafas de plástico e as latas na boca da tartaruga/peixe” é a mensagem que explica aos banhistas o uso de duas estrutura com forma de tartaruga gigante e outra de peixe, que além de decorarem as praias do Lobito, servem de contentores para o lixo reciclável como garrafas de plástico e latas.

As duas estruturas foram instaladas em duas praias muito concorridas da cidade do Lobito, na província de Benguela para que os banhistas, que costumam consumir suas bebidas na praia, tenham um local adequado para despejar as embalagens e não sujem à praia.

As estruturas foram desenhadas com formas de animais marinhos para chamar à atenção sobre a questão do lixo deixado na praia, que posteriormente chega ao mar e que está a ser consumido por estes animais, levando muitos deles à morte.

A iniciativa contou com a participação de moradores organizados para cuidar do meio ambiente da cidade e a inauguração contou com as autoridades competentes do Município, incluindo o Administrador da Cidade.

PROGRAMA DE ESTÁGIO DO GRUPO CASTEL RECRUTA 25 JOVENS EM 2019

O programa de estágios do grupo Castel recrutou um total de 25 jovens provindos de vários programas como:

Bolsas de estudo do Programa Quai d’Orsay/Enterprises: este programa co-financia bolsas de estudo na França para quatro estudantes angolanos, nos sectores de engenharia mecânica e de produção, engenharia eléctrica e informática industrial, engenharia térmica e energia. Os quatro bolseiros realizaram seu primeiro estágio na fábrica da NOCAL, após conclusão do seu primeiro período de formação na França.

Centro de Formação Castel: o Centro de Formação do Grupo Castel Angola, que até agora oferecia formações profissionalizantes aos seus trabalhadores, este ano abriu suas portas para a comunidade em Luanda com dois cursos profissionalizantes em Mecânica de Manutenção Industrial e Electricidade de Manutenção Industrial. Deste grupo, 15 alunos realizaram estágios em nossas fábricas este ano: COCA-COLA BOTTLING LUANDA (CCBL), COBEJE e EKA.

Convénios:

Mais seis estagiários foram admitidos nas fábricas da EKA e da COCA-COLA BOTTLING LUANDA (CCBL) através de convénios com as universidades: Instituto Superior de Tecnologia Agro-Alimentar de Malanje ISTAM e com o Programa de Master em Engenharia de Sistemas Industriais da Universidade Agostino Neto.

O nosso programa de estágio visa ajudar na preparação técnica de alunos das áreas científicas e industriais e incentivar e atrair novos talentos à nossa equipa.

CENTRO DE FORMAÇÃO CASTEL ABRE CURSOS GRATUITOS À JOVENS EM LUANDA

Existente desde 2015 e considerado um caso de sucesso na formação de técnicos para a indústria, o Centro de Formação do Grupo Castel Angola, que até agora oferecia formações profissionalizantes aos seus trabalhadores, este ano abriu suas portas para a comunidade em Luanda.

São dois cursos profissionalizantes em Mecânica de Manutenção Industrial e Electricidade de Manutenção Industrial, com uma duração de quatro níveis de 200 horas cada; após a conclusão dos quatro níveis, o aluno obterá um certificado de formação profissional autenticado pelo INEFOP. A formação está a ser ministrada em parceria com a ATEC- Associação de Formação para a Indústria do Portugal, que disponibilizou seus Formadores Engenheiros, certificados pelo IEFP-Portugal e pelo Centro Nacional de Formadores da Angola.

Um dos diferenciais destes cursos, será a complementação da teoria com a prática, feita através dos estágios que deverão ser realizados após a conclusão de cada nível.

Muitos jovens participaram de um processo seletivo onde 30 destacaram-se para fazer parte desta primeira turma e deverão completar sua formação em julho de 2020.

COBEJE ENTREGA CONTENTORES DE LIXO E CISTERNA DE ARMAZENAMENTO DE ÁGUA EM BOM JESUS

No quadro da sua Responsabilidade Social, a Cobeje traçou um grande programa sustentável para a melhoria na gestão de resíduos sólidos junto com a Administração Comunal de Bom Jesus.
A COBEJE ofertou 80 recipientes de depósitos de lixos distribuídos entre as escolas, o Hospital, o mercado e certos pontos considerados sensíveis. Os contentores de lixo foram entregues no passado 1ro de novembro ao Director e Representante da Educação. Junto a esta acção, também foram entregues uma cisterna de 1000 litros e dois tambores plásticas de 200 ml à Escola Secundaria de Bom Jesus para armazenagem e gestão de consumo de água.
A COBEJE será responsável pela substituição e renovação dos depósitos semestralmente.

EKA REABILITA LANCHONETES AO LONGO DA MARGINAL EM DONDO

Como presente para as festas da cidade, a EKA teve a iniciativa de reabilitar as lanchonetes localizadas ao longo da marginal da cidade de Dondo. A obra incluía um plano ambicioso, que além da reabilitação das estruturas metálicas, também contemplava a construção de instalações sanitárias no local. A obra foi finalizada com sucesso entregue à Administração da cidade, que ficou muito satisfeita com o resultado final.

Le centre de formation technique de Castel Angola

Le Département Formation & Amélioration Continue de Castel Angola a organisé des formations de base en Électricité et en Mécanique pour ses techniciens de maintenance.

Ces formations visent à apporter un élargissement des compétences des techniciens afin d’optimiser le diagnostic des défauts de caractéristiques électromécaniques et leurs résolutions respectives.

Depuis le début du projet en 2015, plus de 100 techniciens de différentes unités de fabrication ont été formés.

Ainsi, en 2021, plus de 15 000 heures de formation liées à ce projet ont déjà été réalisées.

La formation est basée au Centre de Formation Technique de Castel Angola à Bom Jesus, un espace équipé de ressources qui permettent l’apprentissage des composantes théoriques et pratiques des contenus enseignés aux étudiants.

FINALIZA O PROJECTO EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA, PARTICIPAÇÃO E PREVENÇÃO RODOVIÁRIA (CPPR) CO-FINANCIADO PELA SOBA-CATUMBELA

O projecto de educação para a cidadania, participação e prevenção rodoviária (CPPR) chega ao fim depois de três anos com resultados muito favoráveis. O projecto, que conta com a parceria de instituições educativas e governamentais como Governo Provincial de Benguela e a Policia Nacional, tinha como objectivo diminuir os índices de mortalidade por sinistralidade rodoviária em Benguela, já que é uma das três províncias com mais casos de acidentes de viação e mortes por atropelamento.

Durante o projecto, foi construída a primeira estação de treino de prevenção rodoviária do país, onde crianças, professores e efectivos da Polícia Nacional eram treinados para prevenir a sinistralidade rodoviária.

Durante o projecto foram formados:

3.460 professores

120 Quadros efectivos da Polícia Nacional

40 Minipolícias que realizam acções de sensibilização nas estradas